voltar
Notícias Notas de imprensa
Notícias

DACHSER USA tem um novo Managing Director

Após ter liderado negócios de transporte terrestre, aéreo e marítimo em França e Norte de África, Gestor assume novo desafio no Grupo, num mercado que representa uma oportunidade de desenvolvimento muito significativa para a DACHSER.

EUA: Uma oportunidade para Portugal

A DACHSER USA tem um novo Managing Director. Depois de liderar com êxito a expansão do segmento aéreo e marítimo da DACHSER em França e no Norte de África, Vincent Touya assume, aos 56 anos, e desde 1 de fevereiro, o desafio de liderar a rede DACHSER nos Estados Unidos. Com uma ligação de mais de 30 anos à multinacional, e graças ao seu profundo conhecimento do negócio, o gestor francês apresenta-se como um elemento altamente preparado para implementar e desenvolver as cadeias de abastecimento intercontinentais integradas para os clientes dos Estados Unidos.

“O mercado americano representa uma oportunidade de desenvolvimento muito significativa para a DACHSER”, refere Vincent Touya. “Estou, por essa razão, totalmente empenhado em aumentar a oferta de serviços logísticos da empresa nos EUA, facilitando, assim, o acesso dos clientes à rede de logística global da DACHSER”, conclui o responsável.

EUA: Uma oportunidade para Portugal

Esta trata-se de uma opção estratégica da DACHSER, que procura, em 2019, dinamizar a trade lane para os Estados Unidos – tanto a nível marítimo como aéreo – e, assim, dar resposta às necessidades das empresas nacionais. A este nível, refira-se que os Estados Unidos são, atualmente, um dos cinco mercados que lideram o ranking de exportações nacionais, assumindo-se, mesmo, como o maior parceiro comercial de Portugal fora da União Europeia.

De acordo com a AICEP (Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal), as exportações nacionais para este mercado registaram um aumento de aproximadamente nove por cento em cinco anos (de 3,4 mil milhões em 2013 para 4,66 mil milhões em 2017). No que se refere às importações, a linha de crescimento mantém-se, apesar de apresentar valores absolutos mais baixos do que os das exportações: 1,89 mil milhões de euros em 2013 e 2,7 mil milhões em 2017.

“Queremos ser, cada vez mais, a solução e o parceiro logístico das empresas portuguesas”, refere Jorge Andrade, managing director da DACHSER ASL Portugal. “O facto de os Estados Unidos se posicionarem como o principal parceiro comercial fora da União Europeia leva-nos a encarar este mercado como uma oportunidade clara e no qual devemos investir”, acrescenta o responsável.

Refira-se que a DACHSER ASL Portugal assegura serviços semanais para os Estados Unidos por via marítima, sendo que desde o Porto de Sines a ligação é direta. A nível da carga aérea, os serviços são diários, com partidas tanto do aeroporto do Porto como de Lisboa. Consolidação da carga, serviços de charter, completos ou parciais, na carga aérea e de contentores completos no transporte marítimo, são alguns dos serviços oferecidos pelo operador logístico em Portugal. Contando sempre com as sinergias de distribuição oferecidas pela rede de transporte terrestre DACHSER no continente europeu, a DACHSER em Portugal tem a capacidade de assegurar a gestão completa da cadeia logística das empresas nacionais com negócios internacionais.