Market Information

Greve nacional em França – implicações

Durante as últimas semanas, o transporte público em França sofreu uma paralisação devido às greves massivas contra o plano de reforma das pensões. Esta semana a greve irá continuar.

Os portos franceses, afetados pelos dias de greve contínuos, estão congestionados e as opções alternativas, como Amberes, Génova ou Barcelona, sofrem as mesmas consequências, por isso são esperados atrasos nas reservas e nas recolhas/entregas nesses portos.

Aqui podem consultar o detalhe da duração da greve nos portos franceses:

  • Dunkerque: trabalhadores portuários / estivadores 23/01 e 24/01; rebocadores de 22/01 a 25/01 até às 6 a.m.
  • Le Havre: trabalhadores portuários / estivadores de 22/01 a 25/01 até às 6 a.m.; rebocadores 24/01 a 25/01 até às 8 a.m.
  • Montoir: trabalhadores portuários / estivadores 22/01 a 25/01 até às 6 a.m.; rebocadores de 21/01 a 24/01 até às 9 a.m.
  • FOS: trabalhadores portuários / estivadores 22/01 a 25/01 até às 6 a.m. rebocadores de 20/01 a 23/01 até às 9 a.m.

As recolhas e entregas por estrada e ferrovia também podem ser afetadas. Os serviços de transporte aéreo até agora não foram afetados, mas iremos facultando informação atualizada a este respeito.

As nossas equipas operacionais irão fazer tudo o que seja possível para minimizar os efeitos destes atrasos.

No caso de terem alguma pergunta, não hesitem em comunicar com a vossa pessoa de contacto na agência da DACHSER correspondente.

Contacto Isabel Monteiro