DACHSER organiza transporte ferroviário na Nova Rota da Seda

Num comboio exclusivo para o seu cliente de longa-data BASF, o operador de logística transporta 42 contentores de produtos químicos da Alemanha para o mercado chinês em metade do tempo face ao transporte realizado por via marítima.

Transporte para a cidade chinesa de Xian com a DACHSER Rail Services
Transporte para a cidade chinesa de Xian com a DACHSER Rail Services

A DACHSER foi a empresa responsável pelo transporte do primeiro comboio completo que a BASF enviou para a China. A composição, constituída por 42 contentores carregados com produtos químicos da empresa, partiu do terminal de Ludwigshafen, na Alemanha, tendo como destino a cidade chinesa de Xian. O transporte ferroviário foi realizado em apenas 14 dias, solução que representou uma poupança de mais de duas semanas comparativamente ao envio por via marítima. Refira-se que o transporte ferroviário, realizado através da Nova Rota da Seda, assume-se como uma opção particularmente interessante para empresas químicas cujos locais de produção se encontram em áreas rurais da China, distante dos portos marítimos.

A multinacional foi responsável, ainda, por todos os aspetos logísticos do processo, incluindo a coordenação com o operador RTSB, as formalidades aduaneiras e a distribuição da mercadoria por via terrestre na China. Acrescente-se que o terminal KTL, em Ludwigshafen, na Alemanha, desempenha um papel fundamental no conceito de logística da BASF, uma vez que funciona como um hub onde a empresa prepara toda a carga europeia e efetua o carregamento dos contentores. O maior terminal terrestre da Alemanha encontra-se diretamente ligado à principal unidade industrial da BASF, o que permite que sejam enviadas, diariamente, a partir deste local, até 30 comboios com destino a mais de 20 centros económicos europeus.

Tendo em conta que a largura da via-férrea oscila ao longo da rota, os 42 contentores são recolocados em novos comboios na vila polaca de Małaszewicze e, ainda, na fronteira do Cazaquistão com a China. O destino final da carga é a cidade de Xian, no centro da China. Os contentores de 40 pés – com dimensões que excedem os 12 metros de comprimento e os 2,9 metros de altura – transportam essencialmente granulados, aditivos para combustível e catalisadores. Ao chegar ao destino, a Dachser North China é responsável pelas formalidades aduaneiras e pela distribuição, por camião, da mercadoria. O processo, ainda na fase de arranque, prevê o reforço de envios, que passarão a ser semanais, de Ludwigshafen para Xian.

Mais rápido do que o transporte marítimo, mais económico do que o aéreo, fácil de programar e seguro: quando se trata de cumprir determinados requisitos logísticos, o transporte ferroviário para a China, ao longo da Nova Rota da Seda, assume-se como uma excelente alternativa ao transporte aéreo e marítimo.

Thomas Krüger, Managing Director da DACHSER Air & Sea Logistics EMEA

"Estamos particularmente satisfeitos pelo facto de a procura pelos serviços ferroviários da DACHSER estar em crescimento e por uma empresa líder no mercado global, como a BASF, confiar nas nossas soluções logísticas", acrescenta Mr. Krüger.

Refira-se que a DACHSER é, há várias décadas, a escolha da BASF para o transporte e armazenamento dos seus produtos químicos na Europa. A multinacional conta, atualmente, com dois armazéns destinados a matérias perigosas – um na Hungria e outro na Roménia –, que cumprem os mais altos padrões de segurança e cujo desempenho foi avaliado de acordo com o sistema SQAS. "O primeiro transporte realizado por via ferroviária para Xian elevou a nossa parceria logística com a BASF para um novo nível", refere Michael Kriegel, Department Head Dachser Chem-Logistics. A DACHSER disponibiliza um serviço de logística padronizado e a experiência no manuseamento de mercadorias perigosas para uma rede global, apresentando soluções à medida para clientes da indústria química.

DACHSER assegura ligações entre a China e Portugal

Os clientes da DACHSER, em Portugal, têm, também, disponível este serviço ferroviário. A este nível, refira-se que a multinacional foi a empresa responsável pelo transporte de componentes e peças em aço da China para a Polónia. Neste caso, tratou-se de uma operação triangular, em que o pedido partiu de uma empresa portuguesa, que pretendia uma entrega direta do fornecedor, localizado na China, ao cliente final, na Polónia. A DACHSER Portugal teve a seu cargo toda a operação, desde o booking, a gestão do transporte por ferrovia e formalidades aduaneiras. A multinacional foi, igualmente, responsável pelo transporte ferroviário de um carregamento de moldes de injeção para a indústria metalomecânica, da China até Hamburgo, local onde a carga foi desconsolidada e transportada por camião até Portugal.

Acrescente-se que, no caso de Portugal, a ligação ferroviária intercontinental mais próxima do nosso país encontra-se em Madrid, Espanha. A rota recebeu a designação de “Yixinou” e tem mais de 13 mil quilómetros. O tempo de trânsito entre a cidade chinesa de Yiwu, a sul de Xangai, e o terminal em Madrid é de 21 dias. Desde Portugal, a DACHSER assegura a ligação de e para Madrid via transporte rodoviário.

Contacto Isabel Monteiro